10/29/14

Personal Project, Part II

Hoje é dia de partilhar a segunda parte deste projecto que me é tão especial. Depois de alguns meses esquecido, senti-me culpada por deixar algo que me tinha deixado tão feliz simplesmente de parte, como se não fosse importante. Com o volume de trabalho do Verão, as prioridades foram trocadas, se bem que depois da avalanche, me dei conta que não fui a melhor gestora de tempo. Esqueci-me não só deste projecto, como algumas vezes de quem menos merece ser esquecido e até de mim mesma. Mas, agora vejo, que de facto a vida é mesmo vivendo e aprendendo. Devemos sempre tirar algo de bom dos nossos erros, são eles mesmos que nos fazem crescer. É bem verdade que por vezes ainda me sinto uma menina pequenina perdida, que sinto aquele medo que anda de mãos dadas com a inexperiência. Mas quem não sente? O chão treme para todos nós, sem pedir licença, mesmo para aqueles que achamos ser inabaláveis. E não é suposto ser este misto de emoções que caracteriza o ser humano? 








A Francisca com este ar sereno, faz-me sentir uma paz de espírito só de rever estas fotografias. Lamento apenas que seja tão reduzido o número de pedidos que recebo para sessões individuais. Já pensaram o quão mágico pode ser a celebração de vocês mesmas? Do que são e do que desejam ser? Não há razão para receios ou medos. Eu estou aqui para trazer o melhor de vocês ao de cima com todo o meu coração! YOU rock GIRLS!

10/27/14

Micaela & family

Há famílias que sentimos como sendo um bocadinho nossas. É exactamente o que sinto relativamente a esta família. Já os fotografei algumas vezes, todas elas em celebração de acontecimentos importantes. Sinto que de alguma forma faço um pouco parte da história deles. São aqueles clientes de quem sinto saudades e dos quais não gosto de passar muito tempo sem receber notícias.









10/22/14

Weekend Brunch // Vélocité Café

Depois da Sara me ter mostrado as fotografias do brunch do Vélocité Café, fiquei de imediato com vontade de ir experimentar, para além do aspecto delicioso o preço também me pareceu bastante convidativo. Aproveitei o fim-de-semana passado para dar uma voltinha por Lisboa e provar o delicioso brunch. O espaço é de facto muito cativante e acolhedor, simples mas com muitos detalhes que fazem a diferença. Felizmente não estava cheio, por isso, foi chegar, sentar e desfrutar do momento.





Aconselho mesmo a experimentarem, têm 2 opções, o brunch à Vélocité Café e o veggie brunch, eu e o J. optámos pelo primeiro e adorámos. O preço é óptimo, são 11€ e inclui também um sumo de laranja natural e um café. 
Depois do brunch, aproveitámos para fazer um passeio por Lisboa e dar um saltinho ao Castelo de São Jorge.






10/20/14

Self-love. Therapy mode.


Digamos que estes são os meses de balanço. Os fins-de-semana já são mais calmos, há tempo para não-fazer-literalmente-nada, para passear, para desligar o despertador, para experimentar aquele brunch que ficou debaixo de olho, para namorar e para planear o próximo ano. Algo me diz que o próximo ano será recheado de emoções e passos importantes. Tenho cá para mim que tal como este ano, vem aí mais um de algumas mudanças.



Estes self-portraits ainda foram tirados durante as minhas férias em Setembro e estavam guardados, tal como tantos outros trabalhos. Já pensei em fazer um projecto só com self-portarits, que me obrigasse a não deixar esta maravilhosa prática de lado tantos meses seguidos, mas depois vem o receio de falhar comigo mesma, o receio de que o tempo me fuja e que acabe por desistir. Quem sabe 2015 me traga a coragem e energia extra que preciso.